A bicicleta é um dos veículos mais antigos da História. Mesmo com o advento dos carros e das motocicletas, a bicicleta continua marcando forte presença no mercado e nas ruas. Isso porque ela faz bem para a saúde e para o bolso.

Ela mantém nosso condicionamento físico em dia, não exige combustível, nem IPVA e contorna facilmente o congestionamento e o estresse causado pelo trânsito caótico das grandes cidades. Como se não bastasse, usar a bicicleta como meio de transporte faz bem para o planeta, pois minimiza a poluição sonora e do ar causada pelos veículos automotores.

Se você se rendeu a todos estes benefícios, saiba que nem todas as “magrelas” são iguais. As bicicletas de hoje são projetadas de acordo com finalidades específicas – esporte, veículo urbano, lazer, etc. Para ajudá-lo a fazer uma escolha compatível com seu estilo de vida e suas metas, criamos o guia Escolha a Bicicleta Certa para Você. Através dele, você ficará por dentro dos principais pontos que devem ser levados em conta no momento da aquisição, a fim de que você faça uma compra boa não só para seu bolso, mas também para o seu dia a dia.

Fique atento às suas necessidades para não fazer a escolha errada. Há vários detalhes a serem considerados durante o processo de compra, tais como modelo de bicicleta, tamanho e garantias.

FAZENDO A ESCOLHA CERTA

Primeiramente, defina o principal motivo que levou você a decidir sobre a compra de uma bicicleta: estresse no trânsito, economia financeira, lazer nos fins de semana? O perfil do ciclista é fator decisivo tanto para a escolha do modelo de bicicleta quanto para a compra de seus acessórios.

As bicicletas não possuem um tamanho padrão. Isso porque os ciclistas variam em tamanho, peso e dimensões corporais. Existem várias maneiras de definir o tamanho ideal de sua bicicleta, sendo a maneira mais prática aquela que relaciona a altura do ciclista ao tamanho do quadro do veículo, que corresponde a altura que vai do meio do movimento central (pedivela) até o centro do tubo horizontal (ponto de cruzamento entre o tubo vertical e o horizontal)

Outra medida que deve ser levada em conta é a largura do guidão. O guidão é o “volante” da bicicleta, barra sobre a qual apoiamos nossas mãos para controlar a roda dianteira do veículo. O guidão deve corresponder à largura exata (ou um pouco maior) dos ombros do ciclista.

Confira nossas opções de bicicleta, clique aqui.

Deixe um comentário